Amazonas teve a maior incidência de casos de tuberculose em 2022 no país, aponta MS

Dados do sistema de informação da FVS-AM apontam que, em números gerais, foram registrados 3.826 casos e 214 óbitos pela doença em 2022.

Por g1 AM

Amazonas é o estado com maior incidência de casos de turbeculose em 2022, aponta MS. — Foto: Divulgação/SES-AM

O Amazonas foi o estado com a maior incidência de casos de tuberculose em 2022 no país, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde (MS) nesta sexta-feira (24). Rio de Janeiro e Roraima também estão entre os estados com as maiores taxas de casos da doença.

Segundo o MS, no ano passado foram 84,1 casos da doença para cada grupo de 100 mil pessoas no Amazonas. Rio desponta em segundo lugar com 75,9, e Roraima em terceiro com 68,8 casos.

Dados do sistema de informação da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) apontam que, em números gerais, foram registrados 3.826 casos e 214 óbitos pela doença em 2022, em todo o estado.

Já em 2023, 469 casos foram registrados, sendo 295 em janeiro, 166 em fevereiro e 08 em março, de acordo com a FVS-AM.

Segundo a pneumologista Joycenea Matsuda, da Policlínica Cardoso Fontes, a doença precisa ser tratada de forma correta, para evitar a resistência da bactéria aos medicamentos.

“Algumas pessoas com três meses do tratamento já se sentem bem melhor, a tosse passa, ganham peso acham que já estão curados e simplesmente abandonam o tratamento e existe o perigo de selecionar a resistência da bactéria aos medicamentos, então é muito importante completar no mínimo 6 meses do tratamento e ser avaliado receber alta médica, e não correr o risco de tratar uma doença que tem cura de forma inadequada e a doença ficar resistente aos antibióticos”, disse.

De acordo com a médica, o tratamento só termina quando o médico confirmar a cura total do paciente. Ela também orienta sobre a proteção às crianças contra a doença: “A vacina BCG é obrigatória para menores de um ano, pois protege as crianças contra as formas mais graves da doença”, afirmou.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/03/24/amazonas-teve-a-maior-incidencia-de-casos-de-tuberculose-em-2022-no-pais-aponta-ms.ghtml

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter