Tamoiotatá 3: Sétima fase da Operação resulta em mais de R$ 10,2 milhões de multas aplicadas

Desde o início da operação conjunta, em março de 2023, foram 287 pontos fiscalizados e mais de R$ 231,5 milhões de multas aplicadas

FOTO: Divulgação/SSP-AM

A sétima fase da Operação Tamoiotatá 3, realizada de 28 de julho a 17 de agosto de 2023, resultou em mais de R$ 10,2 milhões em multas aplicadas. A operação de fiscalização de crimes ambientais e combate a desmatamentos e queimadas foi realizada nos municípios do sul do Amazonas.

A maioria das ocorrências foi registrada em Humaitá (a 590 quilômetros de Manaus). No município, foram 26 alvos fiscalizados; 2.053 quilômetros percorridos (por viatura); 20 autos de infração; R$ 10.014.824,45 em multas aplicadas; 16 áreas embargadas, que juntas somam 317,5 hectares; uma notificação; e cinco apreensões. Não houve registro de prisões.

Já em Apuí (a 453 quilômetros da capital), a operação resultou em 16 alvos fiscalizados; 1.784 quilômetros percorridos (por viatura); dois autos de infração, que somam R$ 255.475,00 de multas aplicadas; 15 áreas embargadas, que totalizam 46,8 hectares. No município não houve notificações, prisões ou apreensões.

Números em geral

Conforme dados consolidados, da 1ª a 7ª fase da Operação Tamoiotatá 3, realizada de 29 de março a 17 de agosto de 2023, foram 287 pontos fiscalizados; 30.181 quilômetros percorridos (por viatura); 130 autos de infração; R$ 231.570.997,16 em multas aplicadas; 220 áreas embargadas, que representam mais de 1,122 milhão de hectares; 20 notificações; quatro prisões; e 29 apreensões.  

Durante o período, a Operação Tamoiotatá ocorreu nos municípios de Apuí, Canutama, Humaitá, Lábrea, Manicoré e Novo Aripuanã, todos no sul do Amazonas.

Operação integrada

A operação Tamoiotatá 3 é coordenada pelo Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) e pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), com o apoio da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

Cada fase conta com efetivos do Ipaam, Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) e das Polícias Militar (PMAM) e Civil (PC-AM), uma parceria do Governo do Estado com o Governo Federal.

Fonte: Agência Amazonas

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas notícias
Categorias

Subscribe our newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.