Isabelle Nogueira está na final do Big Brother Brasil 24

A paraense Alane Dias, 25 anos, foi eliminada com 51.11% dos votos. Matteus Amaral, 27 anos, ficou em terceiro na votação com 2.23%. A manauara segue na disputa pelo prêmio de R$ 3 milhões.

A manauara Isabelle Nogueira, 31 anos, está na final do Big Brother Brasil (24) após o resultado da eliminação deste domingo (14) que teve a paraense Alane Dias, 25 anos, eliminada pelo público com 51.11%. A cunhã-poranga do boi Garantido teve 46.66% e segue na disputa pelo prêmio de R$ 3 milhões. Nesse paredão, o gaúcho Matteus Amaral, 27 anos, teve 2.23% e também está na final. 

O baiano David Reis, 21 anos, no programa da última quinta-feira (11), conquistou a primeira vaga na final, que será ao vivo na próxima terça-feira (16). A votação já está aberta pelo site GShow e o público deve escolher quem leva o prêmio em dinheiro e também o titulo de campeão do BBB 24 para casa.

O último paredão do BBB 24 movimentou as torcidas de Isabelle e Alane. O nome das duas estiveram entre os assuntos mais comentados do X (antigo Twitter) nos últimos três dias, com a hastag #ForaAlane e #ForaIsabelle. Apesar das duas participantes representarem a região Norte do Brasil, as torcidas não se uniram para tirar Matteus, que recebeu a menor porcentagem dos votos.

Defesas

Logo após a paraense Alane deixar a casa, o apresentador Tadeu Schmidt parabenizou os trio de finalistas e convocou David para apresentar ao público os motivos pelos quais deve levar o prêmio do programa. “Brasil cheguei aqui. Sofri muito. Batalhei. Enfrentei com muita garra e determinação esse jogo. Não fugi do jogo em nenhum momento e vim aqui para lutar por um objetivo”, disse o baiano. 

Isabelle exaltou a força da mulher do norte, pediu apoio dos manuaras e dos parintinenses. “Estou aqui pela minha mãe e pela minha família. Também carrego aqui  comigo o orgulho da mulher nortistas, amazonense, manauara, parintinense, da minha cultura e dos meus bois Garantido e Caprichoso que é a minha alegria, mas muitas vezes foi a minha fonte de renda para ajudar em casa”, argumentou a cunhã.

Matteus, o Alegrete, pediu para que o publico o escolhesse como o campeão da edição e relembrou a trajetória de vida no Rio Grande do Sul. “Chegar até aqui não foi fáci. Passei por uma vida cheia de angústias e muitos aprendizados. Carreguei sempre com muito orgulho a essencia de ser gaúcho. Orgulho da minha base e de tudo o que vivi na minha vida”, falou o gaúcho. 

Por A Crítica

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas notícias
Categorias

Subscribe our newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.