Pescador esportivo captura maior tucunaré-açú já catalogado, em Santa Isabel do Rio Negro

A captura do peixe, que mediu exatos 92 centímetros de comprimento, aconteceu na região do Rio Uneiuxi

Foto: Reprodução / Instagram

O pescador esportivo Igor Paschoal quebrou um recorde brasileiro de pesca ao fisgar o maior tucunaré-açú já catalogado. A captura do peixe, que mediu exatos 92 centímetros de comprimento, aconteceu na região do Rio Uneiuxi, no município de Santa Isabel do Rio Negro (a 631 quilômetros de Manaus).  

De acordo com o relato do pescador, ele estava na região do Rio Uneiuxi acompanhado de um guia e mais outro pescador. O companheiro de pesca já havia capturado um tucunaré de 91 cm, quando eles resolveram sair novamente para pescar. 

“Já no primeiro ponto de pesca, o guia Maçarico apontou o local onde eu deviria arremessar a isca, e logo após ‘trabalhar’ a isca por mais ou menos umas cinco vezes, veio aquele estouro na superfície. Assim que o peixe começou a ‘tomar’ linha sabia que era um ‘monstro’, mas jamais que seria um recorde”, relatou Paschoal.

O brasileiro conquistou o recorde nacional de pesca na modalidade comprimento, categoria Brasileiro Absoluto Masculino, em uma pescaria ocorrida no dia 29 de setembro deste ano. O título foi reconhecido pela BGFA Recordes, uma entidade privada que define regras e critérios técnicos para homologação de recordes de peixes capturados exclusivamente por meio da pesca esportiva. 

O tucunaré-açú é um dos peixes da região amazônica mais cobiçados na pesca esportiva. A espécie chama atenção dos pescadores do Brasil e do mundo pelas suas características, podendo alcançar até 1 metro de comprimento e 13 quilos em peso.

Por A Critica

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *