Explosão em barco que deixou dois mortos foi causada por vazamento de combustível, diz SSP-AM

Segundo a SSP, a explosão foi causada por um vazamento de combustível na casa de máquinas da embarcação. Duas pessoas morreram e cinco ficaram feridas.

 Foto: Catiane Moura/Rede Amazônica

A explosão em um barco que deixou dois mortos e cinco pessoas feridas, no Porto da Manaus Moderna, no Centro da capital, foi causada por um vazamento de combustível na casa de máquinas da embarcação, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). O acidente aconteceu na tarde de sexta-feira (11).

De acordo com a administração do Porto de Manaus, por volta das 14h, trabalhadores estavam lavando o tanque do barco, quando houve uma explosão no porão da embarcação. Três pessoas estavam no local. Dessas, uma morreu a caminho do hospital e outra em uma unidade de saúde de Manaus.

Inicialmente, a suspeita era de que uma botija de gás tivesse causado a explosão, mas durante a perícia manhã deste sábado (12), foi verificado que após o vazamento de combustível, houve um curto circuito em uma caixa de iluminação na caixa de máquina da embarcação que causou a explosão.

Segundo o Governo do Amazonas, três pessoas receberam alta e duas seguem internadas em estado grave no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto.

Em nota, a direção do Porto disse que está prestando todo o auxílio às vítimas e se coloca à disposição para esclarecer qualquer dúvidas.

Já segundo a Marinha do Brasil, será instaurado um inquérito pela Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental a fim de apurar as causas, circunstâncias e possíveis responsáveis.

Assim que concluído, e cumpridas as formalidades legais, o Inquérito será encaminhado ao Tribunal Marítimo (Veja a nota completa abaixo).

Nota da Marinha do Brasil

A Marinha do Brasil informa que tomou conhecimento, na tarde de hoje (11), de uma explosão ocorrida em uma embarcação no porto de Manaus (AM).

Uma equipe de Busca e Salvamento da Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC) encontra-se no local averiguando o ocorrido. De acordo com informações preliminares, o acidente resultou em um óbito e deixou 7 feridos, sendo 2 em estado grave.

Será instaurado Inquérito pela Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental a fim de apurar as causas, circunstâncias e possíveis responsáveis. Assim que concluído, e cumpridas as formalidades legais, o Inquérito será encaminhado ao Tribunal Marítimo, que fará a devida distribuição e autuação, dando vista à Procuradoria Especial da Marinha, para que adote as medidas previstas no Art. 42 da Lei no 2.180/54.

Por G1 AM

Compartilhe :

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no twitter
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *