Morador de Rio Preto da Eva desaparece após ir trabalhar em embarcação de luxo

Um homem identificado como João Pereira da Costa Filho, 47 anos, residente de Rio Preto da Eva está desaparecido desde a última sexta-feira (8).

A filha de João informou que ele saiu da Náutica Marina Tauá na sexta-feira, pela manhã, com destino à Praia Grande, localizada nas proximidades do Rio Negro. Na volta, o homem não foi visto e continua desaparecido até o momento.

Ainda segundo informações da filha de João, os donos da embarcação de luxo “Esparta”, alegam que o homem voltou e ajudou nas manobras para a ancoragem do barco na Náutica Marina Tauá.

“Na volta, não perceberam o sumiço e não sabem em que momento meu pai desapareceu mas afirmam que ele voltou ”, disse a filha.

Os familiares buscaram imagens de câmeras de segurança do local mas no dia do desaparecimento, não estavam funcionando. Segundo a filha, um vídeo gravado no exato momento da chegada da embarcação, mostra que João não estava no local.

“O Funcionário da Marina Tauá, Gilson, ajudou na ancoragem na sexta-feira feira à noite e confirma que meu pai não estava no barco, na chegada”, ressaltou a filha.

o homem trabalhava de carteira assinada e pediu demissão mas ainda disponibilizava seus serviços para os donos da embarcação. No dia do desaparecimento quem contratou o serviço extra, foi o filho do dono, identificado pela filha de João como, Renan Cunha Rodrigues. No local estavam, Renan e sua esposa, com amigos e outros familiares, além dos funcionários.

“Ele trabalhava de carteira assinada, e mesmo após a demissão, a família solicitava os serviços em festas nas propriedades deles. As vezes até saia do estado com destino à Bahia para servir eles”, completou a filha.

Por redacão do Portal RIo Preto da Eva

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *