Mais de 120 mulheres concluem o Curso de Defesa Pessoal Feminina da Sedel

Alunas destacam a importância do curso para retomada da atividade física

FOTOS: Mauro Neto/Sedel

O último módulo do Curso de Defesa Pessoal Feminina, promovido pelo Governo do Estado, realizado na Vila Olímpica de Manaus encerrou neste sábado (26/08) com aulas de Mixed Martial Arts (MMA). Entre as alunas está Ana Maria Caldeira, de 59 anos de idade, que sem nenhuma experiência anterior em lutas, planeja continuar sua jornada no mundo das artes marciais.

“Meus planos é continuar treinando, esse curso me fez sentir melhor, poderosa e mais esperta. Estou muito feliz em descobrir o mundo da luta, em saber que posso ser feliz lutando na vida e agora no tatame”, disse Ana Maria Caldeira.

A engenheira Aldelise Gerônimo, de 35 anos, também pretende continuar praticando modalidades de lutas. “Meu módulo favorito foi o de luta olímpica, me apaixonei pela modalidade. Eu que não fazia nenhuma atividade física, decidi que agora que lutar será o meu novo hobby”, declarou a aluna.

A primeira turma do curso foi composta por 120 alunas de diferentes faixas etárias, de 14 a 63 anos, que receberam durante quatro sábados, aulas teóricas e atividades práticas de autodefesa, jiu-jitsu, MuayThai e luta olímpica. Cerca de 90% das participantes nunca tiveram contato com o universo das lutas ou qualquer outro esporte.

“O curso foi sucesso com mais de 120 mulheres matriculadas com uma média de idade de 35 anos. Por meio de coleta de dados confidenciais, identificamos que 69% das participantes já vivenciaram algum tipo de agressão e 90% delas nunca haviam praticado uma atividade física”, explicou Janiffer Santos, assistente social do Projeto Formando Campeões.

Durante a aula de encerramento foram revisados todos os módulos apresentados durante o curso. Na oportunidade, as lutadoras amazonenses Ketlen Vieira e Ketlen Souza apresentaram movimentos de MMA e compartilharam experiências sobre o mundo das lutas enquanto mulheres e profissionais.

“Nós mulheres estamos ganhando cada vez mais espaço, em todas as áreas, inclusive no mundo da luta. Torço para que as mulheres possam ter ainda mais acesso às artes marciais. Com esse curso acredito que estamos no caminho certo. Quero parabenizar o Governo do Amazonas por essa iniciativa, me sinto grata em participar e incentivar outras mulheres”, disse a lutadora do UFC, Ketlen Vieira.

Por Agência Amazonas

Compartilhe :

WhatsApp
Facebook
Telegram
Twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas notícias
Categorias

Subscribe our newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.